2 de jan de 2014

Retrospectiva 2013:

Mais uma vez a mesma frase: “mais uma vez…”
Mergulhados no tempo
   atravessamos as horas, os dias, os meses, o ano…
Permitimos nos encontrar mais uma vez na ausência das palavras
   e no silêncio do abraço…
   e relembramos fatos que não querem dizer mais nada
      depois que passaram…

Agora eles só dizem um lugar no tempo que se findou!

O arame farpado não impede os olhos de ver o show do poente
que apesar do apelo não impede o sol ir e a noite chegar…

O tapete de limo cresceu enquanto a umidade foi estação
mas agora não resta muito do verde que esmaeceu na seca…

Minha banheira quase naufraga na grande chuva…
Ficou aquela experiência do desamparo e da pequenez.
Por meia hora fomos unidos pelo medo!

Assisti 365 auroras, cada uma única…
Saído do sono olhei o horizonte
e ali o mundo já havia sido acordado pelo giro da Terra.

E foi Kalkii que sempre acordava antes de mim e velava pelo giro do horizonte
que trazia cada aurora até minha janela…

Foram 4 casamentos e nenhum funeral este ano,
   e os sorrisos de meus “anciões” permaneceram,
      apesar dos momentos difíceis…
Somos mais fortes do que pensamos quando somos família!

Desnudado o entorno como um ato de violência
a grande árvore se deixou ver por ângulos distantes…
Penso em sua solidão e no perigo que lhe ronda,
Ainda não temos asilos para elas,
mas seus cemitérios são as fornalhas da cidade…
Que o respeito ainda lhe conserve no lugar centenário que se assenta!

E quando a época das luzes chegou,
   havia ainda muita luz no coração de quem nos ama,
     apesar do que a idiotia televisa tenta imputar às datas…
As luzes não são do comércio e nem das datas,
As luzes são de nossos corações!

***

-Os melhores filmes que assisti:
Aqui É o Meu Lugar (de Paolo Sorrentino)
Prometheus (de Ridley Scott)
As Vantagens de Ser Invisível (de Stephen Shbosky )
O Deus da Carnificina (de Roman Polanski )
Somos Tão Jovens (de Antonio Carlos da Fontoura)
Cosmópolis (de David Cronenberg  )
Xingu (de Cao Hamburger)
O Lado Bom da Vida (de David O. Russell)
Across The Universe (de Julie Taymor)
A Caça (de Mads Mikkelsen)
Os Miseráveis (de Tom Hooper)
Game of Thrones – Seasons I/II (da HBO)

-Os melhores livros que li:
Critica da Razão Cínica (Peter Sloterdjek)
O Aberto (Giorgio Agambem)
Os Sonhos (C.W. Leadbeater)
Fluam, Minhas Lágrimas, disse o Policial (Philip K. Dick)
Ascensão de Prometeu (Robert Anton Wilson)
Primeiro Você Constrói uma Nuvem (K.C. Cole)

-Os melhores Cd’s que ouvi:
Tropicália, Lixo Lógico (Tom Zé)
Será Bem Vindo Qualquer Sorriso (Bruna Caram)
Tempo de Menino (Pedro Luis)
The Next Day (David Bowie)
Tribunal do Feicebuqui (Tom Zé)

Nenhum comentário: