21 de mar de 2014

NaamAutuum



“Compreender o inimigo leva-nos a  amá-lo”
A Gnose reveladora impõe isso ao indivíduo.
Compreender o mundo, as situações, as pessoas
   é começar a amá-los…
Eis o grande segredo do Meio Dia,
Por isso é que com ele, o Grande Meio-dia traz consigo o Amor-fati,
   o amor ao nosso destino…
Compreender a realidade & todas as suas mazelas é o início do fim de tudo;
Assim o grande ódio se transmuta no grande amor,
no Oceano do Amor!
O fato de a pobreza do mundo - nós -
   ter compreendido isso antes dos Arcontes revela nossa proeminência
      & o que está contido dentro de nós mesmos,
Revela a natureza de nosso Espírito
   & o que a Gnose nos dá.
Somos daquela fonte de toda Compreensão,
   somos da fonte da Sabedoria!
Por isso sinto no ar a energia emanada da voz de todos os Budas & Bodhissatvas
   de todos os tempos & lugares…
      & junto à esses seres eu canto o profundo Mantra da libertação final,
A Chamada da  Voz do Silêncio,
A profunda canção da Compaixão pelo mundo
   & por tudo que há contido dentro dele:
…este meu corpo imperfeito, essa minha vida incorrigível, esse dia de tantos desejos & decepções que me trouxe até aqui, minhas escolhas de fim de tarde, as ruas sujas & cheias de barulho, o toque quente de A. com um sorriso nos olhos, a grande calma no olho do furacão, todos os crimes & bondades que acontecem por aí…
& vou derramando lágrimas enquanto a corrente do sonido perpassa
   por meu Espírito sem eu ao menos me dar conta de sua expansão…
& as marés do Amor vão subindo,
   varrendo de volta para praia
      cadáveres que precisam ser exumados
         antes dos deuses confusos pisarem as areias da praia novamente…
Por isso sinto no ar a energia propagada da voz de todos os Iluminados Perfeitos
   & dos seres de puro amor que regressaram do Arco do Nirvana 
      em todos os tempos & lugares…
& junto à esses seres eu canto o profundo Mantra da libertação final,
A Chamada da  Voz do Silêncio,
A profunda canção da Compaixão pelo mundo
   & por tudo que há contido dentro dele:
…meus amados pais & todos os meus amigos & desafetos, meus gatos mortos pelo apocalipse motorizado que durará um kali-yuga pessoal, meus gatos vivos que prezam a segurança e amam o carinho de minhas mãos, as texturas de perdão & bondade que brotam da pura sorte que até o mal declina pelos equinócios do bem, & todas as outras frases que brotam da voz do meu coração que encheriam as entrelinhas de todos os livros do mundo com um só sentimento…
“Eu compreendi a mim mesmo!”

(Agora… a lâmpada deste quarto de visitas pode se apagar!)
Uberlândia – Outono de  2014.


2 de mar de 2014

Catecismo Gnóstico - Lição: DA SALVAÇÃO E DA GNOSE




O que é Gnose?

    Gnose é o conhecimento revelador e salvífico do que fomos, do que nos tornamos, de onde estávamos, para onde fomos lançados, de onde estamos indo, do que estamos a ser libertados, o que realmente é o nascimento, e o que o renascimento realmente é. Esta é uma definição antiga que continua a ser precisa.
   
Existe mais de um tipo de Gnose?

    A experiência de Gnose trata de seres humanos em manifestações individuais, mas sempre tem características comuns e um chave comum.

  Gnose é uma experiência ou uma doutrina?

    É ambos ao mesmo tempo. A experiência da Gnose é o conhecimento místico que liberta. Isto é tanto acompanhado e precedido por uma espécie patente de Gnose que informa. Estes foram chamados (por Clemente de Alexandria) Gnose Divina e Gnose Humana respectivamente. A parte humana ou doutrinária da Gnose consiste de um certo tipo de conhecimento dos mundos espirituais, psíquico e material e suas relações.

  Como é adquirida a Gnose Humana?

    Principalmente por meio do estudo e assimilação dos ensinamentos dos Mensageiros da Luz e dos profetas e sábios da tradição gnóstica e por meio da ampliação destes por percepção individual.

  Como se chega a Gnose Divina?

    Pela graça divina combinada com sincera e informada aspiração humana.

  Qual ajuda específica está disponível para nós a fim de receber a Gnose Divina e Humana?

    Essa ajuda nos vem de mensageiros de luz e outros mestres iluminados da Gnose.

  Houve um tempo em que os seres humanos estiveram sem Gnose?

    Desde o início da raça humana, algumas pessoas estavam de posse de Gnose. Estes gnósticos foram, por vezes, simbolicamente chamados de "Grande Raça de Seth", depois de Seth, o terceiro filho de Adão, que foi reconhecido como o protótipo de todos os gnósticos.

  Quem foi o últimoa grande revelador de Gnose?

    Foi o Senhor Jesus Cristo, que atuou tanto como o retificador da tradição existente de Gnose e como o revelador de novos elementos de Gnose.

  A Gnose pode ser dada por mais alguém?

    Um Mensageiro da Luz vem iluminar os seres humanos por seus ensinamentos e transformar suas vidas espirituais pelos mistérios que ele concede a eles. Mas somente aqueles em quem a verdadeira intuição espiritual ("Mente Iluminada") é despertado vai acolher a mensagem e beneficiar dos mistérios.

  Do que devemos ser salvos?

    Estamos a ser salvo primeiro da ignorância que nos impede de conhecer a nossa verdadeira origem, a nossa verdadeira natureza, nossa condição e nosso destino. A última coisa da qual devemos também ser salvos é do fardo da existência terrena com suas condições de causadoras de sofrimento e exílio de nossa verdadeira casa.

  O que traz a salvação?

    Salvação é provocada não pela fé (crença em Deus, ou Cristo), nem pelas obras (o desempenho de boas ações), mas pela Gnose.

  Por que é assim?

    Porque a fé e as obras não resultam em uma mudança radical no ser da própria consciência, mas a Gnose o faz.

  O que significa a mudança radical da consciência provocada realizada pela Gnose?

    Significa estabelecer uma ligação renovada da alma com o espírito e de ambos com o Verdadeiro Deus. Isso quebra os laços que acorrenta nosso verdadeiro ser pelas forças da Terra. Em última análise, traz a libertação de todas as coisas terrenas.

  Quais são os maiores benefícios da salvação por Gnose?

    Um afastamento da alma dos apegos de vida, uma constante elevação esforçando-se para o puro Espírito Divino, o qual é a nosso verdadeiro lar. Além disso, a amizade do Verdadeiro Deus nesta vida, uma boa morte, e depois de uma passagem rápida pelas regiões de purificação até a presença de Deus na plenitude (Pleroma) da divina glória, bondade e amor.