1 de jul de 2017

Aedo Kaos - Tiresias

o poema [é como] um feitiço
(sigilo ocasional de inspiração sacra)
                                       com ele o poeta/mago engendra
o que foi, o que é & o que será...
magia marginal [nos] limites do dito

                                               como cego vidente
pressagia o passado
revela o presente
& modifica o futuro
                                 de acordo com sua vontade

& modifica o passado
pressagia o presente
& vela o futuro

&...
desnudo
                                   muda
                                                                                              se transforma também
de masculino [no] feminino
de positivo no negativo
do passivo ao ativo
do carinho na tortura
        pelas palavras...
da palavra ao labor da não-paz...
                               dá visão à voz...
incendeia os olhos leitor...

magia das palavras
                            língua que fornica
          com colapsos de onda
na urdidura da possibilidade
                                                                                           o poeta abraça & abarca
                                                                                            o caos da totalidade...


Nenhum comentário: